Polícia Militar e Corpo de Bombeiros

Desde setembro de 2005, por meio da Emenda Constitucional Nº 15, o Corpo de Bombeiros foi desmembrado da unidade especializada de bombeiros da Polícia Militar. Em 20 de abril de 2006, o então comandante geral da Polícia Militar, coronel Raimundo Bonfim Azevêdo Coêlho, entregou o comando do Corpo de Bombeiros ao coronel Sirivaldo Sales de Lima.

Os integrantes de ambas as forças auxiliares possuem a condição de militares estaduais. Na maioria dos Estados, os Corpos de Bombeiros Militares são unidades especializadas que pertencem aos quadros das Polícias Militares. Seus integrantes são agentes de segurança pública e ambas as atividades dizem respeito à tranquilidade pública e ordem pública.